Domingo , Novembro 19 2017
Início / Dicas / Viajar de Trem desde Santiago

Viajar de Trem desde Santiago

Train leaving - Mind the Cap!

Dicas para tomar o trem desde Santiago

Os trens & A tripulação

Em caso de você precisar tomar o trem desde Santiago, não preocupe, esta é definitivamente uma tarefa fácil. No entanto, é importante ter em mente que tanto na estação, como no próprio trem, os trabalhadores provavelmente não falam português. O lado bom disso tudo, é que, em geral, a tripulação é bastante acessível e se esforça sempre para atender as necessidades dos passageiros.

No Chile, infelizmente, os trens só fazem um curto trajeto ao longo de todo o país, o trecho: Santiago – Chillán. Entre estes dois destinos há 10 paradas, mas isso não torna a viagem mais lenta do quê o mesmo trajeto feito no ônibus. De fato, no Chile, muitos preferem viajar de trem. Há uma lista de razões para isso que começa com a imensa diferença entre as estações de trem e de ônibus de Santiago do Chile; sendo o primeiro um lugar muito mais calmo, de espaços mais limpos e seguros. Os trens em Santiago são também conhecidos por sua pontualidade com o cronograma, e embora os banheiros  muitas vezes encontrem-se sujos, as demais instalações, em geral, são limpas.

Compra de Passagens

Trem SantiagoSempre que você realizar a compra on-line da sua passagem de trem as opções no menu do lugar de partida podem ser um pouco confusas, quando saindo de Santiago. Nesta situação, a opção que você dever escolher é Alameda, que é o nome da plataforma de onde os trens partem. A etapa final de sua compra é, logicamente, pagar a sua passagem através do sistema WebPay. Se for o seu dia de sorte a transação vai funcionar mais cedo do quê tarde, o quê não é o caso na maioria das vezes. Caso não funcione de primeira, o melhor a se fazer é continuar tentando, eventualmente vai funcionar! Caso contrário, a única opção que resta é comprar as passagens no escritório da Alameda na Estación Central – aberto todos os dias das 8:00 às 20:00 horas; ou na bilheteria Terrasur na estação de metrô Universidade de Chile – aberta de segunda à sexta-feira das 9:00 às 20:00 horas; e aos sábados das 9:00 às 14:00 horas.

Os preços das passagens variam de CLP7.000 à CLP24.000, dependendo da estação do ano, duração da viagem e/ou em qual vagão você prefere viajar. Há basicamente duas classes: Clase Preferente (primeira classe), em que os assentos são consideravelmente mais amplos, mais confortáveis e espaçados uns dos outros, além de cada poltrona oferecer a sua própria tomada elétrica; e a Clase Salón (econômica), com assentos mais estreitos, em maior número, o quê faz com que estes vagões sejam mais lotados e muitas vezes barulhentos, devido à costumeira grande quantidade de crianças à bordo. O trem também fornece um modesto serviço de cafeteria; você pode comprar o seu lanche quando o atendente passa pelo corredor com um carrinho, ou ir diretamente para o vagão onde eles preparam os cafés e mistos-quente.

Taxas Extras

Há uma taxa de aproximadamente CLP2000 para o transporte  de malas e caixas que não cabem no compartimento de bagagens de mão, assim como uma taxa ao redor de CLP3000 para o transporte de animais de estimação, bicicletas e esquis.

Atenção quando perâmbulando pela Estación Central

Estação-Central-Santiago-ChileOs trens partem da Alameda, na Estación Central (também conhecida como Estación Alameda), este é um edifício movimentado em um bairro movimentado. Ao caminhar por aqui é preciso ter cuidado extra com os seus pertences, esta área é famosa pela alta incidência de furtos. A melhor maneira de chegar na Estación Central  é tomar a Linha 1 (linha vermelha) do metrô. Na estação  há uma grande variedade de supermercados, caixas eletrônicos, cafeterias, bares, lojas de souvenirs, bancas de jornal etc.

Viajar de trem no Chile é definitivamente uma experiência interessante. A viagem em si é segura e agradável; as paisagens das áreas rurais e pano de fundo das pequenas cidades fornecem uma boa visão geral dos extremos do Chile, no quê se trata da sua natureza, infra-estrutura e riqueza. Além disso, é muito provável que o seu destino será ou as impressionantes montanhas das famosas Termas de Chillán ou os belos vinhedos do Vale Colchagua; o quê faz a decisão de tomar o trem desde Santiago valer ainda mais à pena.

6 comments

  1. Andre Albuquerque

    Prezada Abigail, eu li o seu comentário sobre a dificuldade de compra a passagem de trem (webpay transbank). Eu chegarei em Santiago dia 23/07 com esposa e 2 filhos (6 e 10 anos). E vamos para Termas de Chillán no dia 25/07. Tô tentando há 3 dias comprar essas passagens e sempre dá a mesma mensagem de erro. Já tente com 3 cartões da minha esposa e 3 cartões meus. O que você me sugere? Eu não queria deixar pra comprar essas passagens no dia 24/07. Tenho medo de acabar. Obrigado.

    • Olá André, imagino a sua frustração. Infelizmente não há muitas alternativas para esta situação. No entanto, vou sugerir que você solicite que ou o seu hotel em Santiago, ou o estabelecimento que você vai se hospedar em Termas de Chillán, compre as passagens para a sua família. Hotéis boutiques geralmente oferecem esse tipo de serviço por um valor extra. Já nas Termas, se você estiver hospedado num complexo de cabanas, tente contactar os donos diretamente, acredito que eles também possam prestar esse serviço à você. Contudo, se a sua hospedagem for num hotel maior, tanto em Santiago, como em Las Termas, infelizmente não vejo outra solução para este seu contratempo!

      • Andre Albuquerque

        Muito obrigado pela atenção. Eu ficarei no Gran Hotel (Termas de Chillán). Lá eles cobraram 4x mais caro pelas passagens de trem! Achei um absurdo! E em Santiago, eu ficarei num ApartHotel administrado por um russo que não fala nem espanhol nem inglês (http://www.booking.com/hotel/cl/gloria.pt-br.html). Você me recomenda alguma agência de viagem aí de Santiago que possa fazer isso cobrando menas que o Gran Hotel? Mais uma vez, muito obrigado.
        A propósito, adorei o seu site http://www.abigaildantes.com/

        • Olá André. Eu acabei de mandar um email para você com algumas alternativas. Espero que possamos encontrar uma solução para este aborrecimento! 😐

  2. Adriana Misson

    Oi Abigail, boa tarde!
    Primeiramente parabéns pelo site! Me ajudou bastante com ótimas informações.
    Gostaria de pedir sua ajuda também. Irei para o o Vale do Colchágua na primeira semana de agosto e não consigo comprar as passagens pelo site da empresa Terrasur igual ao leitor Andre. Gostaria de já deixar tudo organizado porque é minha lua de mel e não queria enfrentar problemas com a compra se deixar para ir ao guichê quando chegar. Você pode me orientar a como fazer?
    Obrigada!

    • Olá Adriana tudo bem?

      Bom, o quê eu sugeri ao André foi entrar em contato com algumas agências de viagens, de brasileiros, aqui em Santiago. Há muitas! Mas, na realidade a coisa pra ele não foi tão simples. Muitas agências não prestam esse serviço! Como alternativa… há um grupo no FaceBook que se chama Viajando para o Chile, seria interessante deixar um post por lá também, tentando encontrar uma solução para esse seu incoveniente.

      Boa Sorte para você Adriana!! 🙂